Seja Bem-Vindo a Zanatta Estufas

Tomate e Pimentão sem uso excessivo de agrotóxico

57

Tomate e Pimentão sem uso excessivo de agrotóxico

O pimentão é uma grande fonte de vitaminas, fortalece o sistema imunológico, as articulações e os ossos, ajuda na prevenção do câncer e protege o cérebro de degenerações. Por sua vez, o tomate combate doenças cardiovasculares, auxilia na perda de peso, controle e prevenção de diabetes, e por ser uma fonte de vitamina A ajuda a prevenir a catarata, trazendo grandes benefícios à saúde se ingerido regularmente.

Mas isso apenas quando cultivado sem o uso excessivo de agrotóxicos. A cada dia que passa, o mercado de frutas e verduras se torna mais exigente quanto ao baixo uso de agrotóxicos nos produtos. Entretanto, em desencontro a isso, o pimentão e o tomate se encontram na lista dos 10 alimentos mais contaminados com agrotóxicos, sendo o pimentão líder desse ranking.

Além de prejudiciais à saúde quando ingeridos, os agrotóxicos também prejudicam a saúde de quem é responsável por seu manejo e por sua aplicação nas lavouras, traz risco de contaminação do solo e gera diversos outros problemas ao meio ambiente.

Grande vantagem em cultivo protegido de frutas e vegetais.

O cultivo protegido de frutas e vegetais já se mostrou extremamente vantajoso por diversos motivos, como o maior controle de temperatura e a proteção à condições adversas do clima. Além desses benefícios o cultivo de pimentões e tomates em estufas permite justamente minimizar um grande problema da atividade que é o uso excessivo de agrotóxicos. Com o uso de estufas indicadas para estes dois tipos de cultivos, com proporção da altura do pé direito de acordo com a temperatura desejada, é possível ter um maior controle do produto final obtido.

Ao controlar os fatores que têm influência direta no uso de agrotóxico, como a umidade e as pragas, é possível obter um produto com uma redução nas aplicações dos defensivos. Tornando o produto muito mais saudável e saboroso. Tomates e pimentões sem uso de agrotóxicos, podem render um valor maior na venda, justificando o uso de estufas. Um estudo conduzido por pesquisadores da Universidade Federal de Uberlândia, por exemplo, demonstrou que o cultivo de tomate de forma orgânica e em sistemas protegidos tem um custo de produção menor que o sistema convencional e lucratividade de 113,6% maior.

Para os cultivos de tomates e pimentões em sistemas protegidos, recomendamos o uso de 4 diferentes estufas. São elas: ZannaLeve, ZannaTrel, MaxiVent ou a HighTech, que possui os conceitos mais modernos em termos de estufa. Clique para conhecer cada uma delas. Para dúvidas e orçamento entre em contato conosco, temos representantes em diversas regiões do Brasil.

EnglishPortugueseSpanish